Resenha - Exorcismo

Comentários





E aí galerinha, tudo na boa?
Hoje estou aqui para contar um pouquinho sobre o livro "Exorcismo".  Talvez você não saiba, mas o filme "O Exorcista" foi baseado em fatos reais. Sim, uma criança foi possuída por um demônio e deu origem ao filme que marcou época. Claro que o longa foi bem mais sensacionalista, mas pode acreditar que os fatos reais são de deixar qualquer um com os cabelos arrepiados.

Essa obra é toda uma pesquisa realizada por Thomas B. Allen, jornalista que explorou a fundo a história do menino Robbie (nome fictício), possuído em 1949. O jornalista fez entrevistas com muitas pessoas, incluindo o padre Walter Halloran, que deu o diário contendo todas as anotações do exorcismo. 

Pense que obra maravilhosa, todo o diário contendo todos os detalhes de um exorcismo real estão presentes nessas páginas. Digo que esse livro é uma peça indispensável na estante de quem gosta dos assuntos do sobrenatural. 


A imagem pode conter: área interna



O livro é dividido em 3 partes, onde a primeira mostra toda a história de Robbie e de sua família, como tudo começou e terminou. Acompanhamos apreensivos toda a saga de uma família desesperada por uma explicação referente aos fenômenos sobrenaturais que afligiam a todos. Barulho de arranhões no quarto, a cama chacoalhando, objetos voando, marcas de garras aparecendo na pele de Robbie e noites e mais noites de puro desespero. Psicólogos, psiquiatras, médiuns, pastores luteranos e padres católicos, inúmeras foram as pessoas que tentaram ajudar e explicar as coisas estranhas que aconteciam com Robbie, até que finalmente chegaram ao veredito, Robbie estava possuído por uma força maligna e somente um ritual de exorcismo poderia colocar fim em tudo isso.

A segunda parte mostra Thomas B. Allen conversando com o leitor, e mostrando outras possíveis explicações para os fenômenos. Ele entrevistou várias pessoas, como psiquiatras que dizem que o que aconteceu com Robbie foi um caso de esquizofrenia juvenil. É evidente que nem todos acreditam que era um caso de possessão demoníaca, sempre tem gente que acredita em outras coisas, e isso é exposto nessa segunda parte. Várias opiniões e teorias. Isso faz com que o leitor pense, reflita e tire suas próprias conclusões.




A terceira parte acredito que seja a mais profunda de toda a obra. O diário do padre Bishop, onde consta cada detalhe do que ele próprio presenciou durante os exaustivos dias do exorcismo está na integra nessa obra. E digo que é fascinante e intrigante. Cada detalhe, dia após dia, até o fim, estão ali, para que a gente possa ler, reler e tentar compreender tudo o que a família, o próprio Robbie, o exorcista e demais pessoas que estavam presentes viveram. É incrível. Uma obra digna de colecionador.


Nenhum texto alternativo automático disponível.

Claro que eu não poderia terminar essa resenha sem falar da perfeição que a DarkSide fez com esse livro. Capa dura, com textura na parte onde está a cruz. As folhas e diagramação impecáveis. Na contra capa consta um tabuleiro Ouija, junto com um marcador de fitilho e um marcador em formato da plaqueta do tabuleiro. Maravilhoso. 

A leitura flui rapidamente e a curiosidade faz com que o leitor queira ler e ler para descobrir o final. Livro incrível.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Valeu pelo comentário!