Resenha - Caçadores de Almas: Segredos e Maldições

Comentários




"Há momentos em que temos que ter coragem para decidir se ficamos nos lamentando pelo o que se perdeu ou se nos levantamos e enfrentamos o que a vida nos reserva."


E ai galerinha, tudo na boa?

Lembra que fiz um post recentemente falando da parceria com a escritora Ana Beatriz Brandão? E que eu iria participar do booktour do seu livro intitulado “Caçadores de Almas”? Então, eu fui a primeira do booktour a receber o livro, peguei ele na sexta e hoje (14/07) já finalizei a leitura.

Então vamos logo para a resenha, pois vocês precisam conhecer essa história:
Serena Devens Stamel é uma jovem de 18 anos que vive uma vida tranquila em uma pequena cidade. Filha de médicos, Serena é uma garota extremamente inteligente, movida pelos números ela não acredita em absolutamente nada que não possa ser explicado pela ciência. Corrigindo, ela não acreditava.

Sua vida muda drasticamente quando ela é usada em um ritual demoníaco. Seus pais e irmãos foram mortos, ela sobreviveu ao ritual, foi salva por um grupo de meninos chamados “Caçadores de Almas”, mas será que Serena está a salvo?

"Gostava de pensar que a linha de pensamento nunca tinha fim. Sempre podíamos aumentar um pouco o tempo de duração de uma explicação. Mas nunca o tempo de duração de uma vida."


Os “Caçadores de Almas” caçam aqueles que foram possuídos nesses rituais, tentando salvar o mundo de virar o Inferno. Eles salvaram Serena, com isso a garota passa a andar com eles, descobrindo que algo está errado, que ela ainda precisa de mais ajuda. 

Gente, esse livro é de tirar o fôlego. A escrita de Brandão é de uma leveza impecável. A leitura flui rapidamente. Os diálogos são rápidos e os detalhes são na medida certa. Nada de enrolação.

Os personagens são jovens e jovens adultos, e bem marcantes. Você acaba se apaixonando fácil por dois ou mais personagens. Serena, Dorian e Norman são meus xodós, e olha que foi amor a primeira vista.

“É incrível como as coisas podem piorar ainda mais do que já estão. É como chegar ao fundo do poço e descobrir que lá tem um porão.”

A história é tensa e intensa. Vou ser bem sincera e dizer que me surpreendi demais com a obra, achei que seria algo mais tranquilo, mas não é amigos. Tem muito sangue, rituais demoníacos, possessão, exorcismo, luta e muita adrenalina. É aquele livro para você começar e não conseguir mais parar de ler, porque você acaba necessitando saber o que irá acontecer no final.

O livro foi publicado pela editora Novo Século, a capa está maravilhosa, diagramação perfeita. Páginas amarelas, capítulos bem divididos o que torna a leitura muito boa e rápida.

No início do livro temos o “Dicionário da língua demoníaca” que dá um plus a mais para a obra.
No início de cada capítulo temos o nome do capítulo seguida de uma frase de impacto que muito tem a ver com o que aquele capítulo irá tratar. Tudo isso em uma fonte maravilhosa. Adorei esses detalhes e o cuidado que a escritora e a editora tiveram. 

Serão dois livros, e eu estou mega ansiosa para a continuação, preciso urgentemente saber o que irá acontecer.

Super indico essa obra, se você curte fantasia, com personagens apaixonantes você certamente irá amar essa história.

Queria agradecer mais uma vez o carinho e a confiança, obrigada de coração pela parceria. Sucesso Ana Beatriz Brandão, você merece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Valeu pelo comentário!